Carregando...

Notícias / Município de Rio Largo abre inscrição para processo seletivo

SEDSH - Secretaria de Assistência Social e Habitação

voltar

Município de Rio Largo abre inscrição para processo seletivo

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação de Rio Largo lança processo seletivo para contratação de pessoal em caráter temporário para atender o Programa Primeira Infância no Sistema Único da Assistência Social (SUAS), regulamentado pelo Decreto nº 8.869, de 05 de outubro de 2016. As inscrições estão sendo realizadas desde o dia 1º e se estendem até o dia 14 de novembro, na Rua Tavares Bastos, 76 –no prédio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Habitação, Centro de Rio Largo, das 9h às 12h e das 13h às 16h.

Segundo o edital, são oito vagas para visitadores, a serem contratados por tempo determinado de seis meses para trabalhar por 40 horas semanais e remuneração de R$ 937. A seleção ocorrerá nos dias 16 e 17 deste mês, por meio exclusivo de análise de currículo, que deverá ser apresentado no momento da inscrição e da entrevista. O resultado será publicado em local público e no site do município de Rio Largo (www.riolargo.al.gov.br) no dia 20 de novembro de 2017.

Para se inscrever, é necessário ter nacionalidade brasileira ou equiparada, idade mínima de 18 anos, ter concluído ensino médio, habilidade com digitação (informática), apresentar certidão de antecedentes criminais, municipal, estadual e federal e não ter vínculo empregatício com os entes federados.

A função de visitador exige habilidade para desenvolver trabalho com pessoas, para trabalhar em campo (visitas domiciliares), para atuar com famílias em situações de vulnerabilidade social, disponibilidade de horário para cumprir jornada de 6 horas diárias e estar em dia com obrigações eleitorais.

O Programa Criança Feliz potencializa as atenções já desenvolvidas pela política de Assistência Social às gestantes, crianças na primeira infância e suas famílias e traz novos elementos para fortalecer o enfrentamento da pobreza para além da questão da renda e para reduzir desigualdades. Avança nas estratégias de apoio à família e de estímulo ao desenvolvimento infantil, elegendo os vínculos familiares e comunitários e o brincar como elementos fundamentais para o trabalho com famílias com gestantes e crianças na primeira infância 2001, do Programa Primeira Infância no SUAS.


07 de Novembro de 2017 | Postado por: ASCOM | categoria: SEDSH - Secretaria de Assistência Social e Habitação
voltar
Top